quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Morrendo

Muito doente, aguardando a morte, o sujeito diz para a mulher:
 – Quando eu morrer quero levar para o além todo o meu dinheiro. Retire tudo do banco e coloque no meu caixão.
 No dia do enterro, uma amiga pergunta para a mulher do falecido:
 – Você não atendeu àquele pedido absurdo dele, não é?
 – Claro que atendi. Retirei todo o dinheiro dele, passei para a minha conta e coloquei no caixão um cheque cruzado para ele depositar no além.

Nenhum comentário: