quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Sereia Ninfonoma

Numa casinha simples de praia moravam o casal e seus três filhos. Um dia a mulher acordou, olhou pela janela e viu que a única vaquinha que eles tinham estava morta. A velha ficou desesperada. E agora? Como iam alimentar a família? A vaquinha era o único bem que tinham.
 Deprimida, a mulher se suicidou. Quando o marido acordou e viu a mulher e a vaquinha mortas, não aguentou e teve um ataque cardíaco fulminante. O filho mais velho acordou e viu a situação. Tomou uma decisão drástica: foi até o mar para se afogar. Quando chegou na beira d’água, deu de cara com uma sereia:
 - Eu sei o que aconteceu com a sua família – disse a sereia. – Mas se você transar comigo cinco vezes seguidas, eu trago todo mundo de volta. O cara mandou ver. Mas broxou na quarta vez. A sereia ficou p. da vida e o matou afogado.
 Então o outro irmão acordou. Foi até o mar atrás do irmão mais velho e encontrou a sereia.
 - Se você transar comigo sete vezes seguidas, eu trago todo mundo de volta – propôs a sereia. O cara mandou ver, mas na sexta ele não aguentou e broxou. E a sereia o matou afogado.
 Então foi a vez do caçula. Ele foi até a praia e encontrou a sereia. – Se você me comer trinta vezes, eu trago todo mundo de volta – propôs a sereia.
 - Trinta vezes? – o caçula pensou. – E se você não aguentar e morrer que nem a vaquinha?

Nenhum comentário: