quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Madre Superiora

A Madre Superiora de uma congregação irlandesa, com seus 98 anos, estava em seu leito de morte.
 As monginhas a rodeavam, tentando tornar cômoda sua última viagem.
 Deram-lhe leite quentinho, bebeu um gole e não quis mais.
 Uma monginha levou à cozinha o copo de leite.
 Nesse momento lembrou que havia na despensa uma garrafa de whisky irlandês, que lhes haviam dado para o Natal, e pôs uma boa dose no leite.
 Voltou ao leito da superiora, e aproximou o copo da boca.
 A superiora bebeu um golinho, depois outro, e antes de que se dessem conta, tomou até a última gota.
 As monginhas lhe disseram:
 - Madre, dê-nos uma última palavra de sabedoria antes de morrer.
 Com um último grande esforço, levantou-se um pouco, e lhes disse:
 - Não vendam essa vaca.

Nenhum comentário: