quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Educação Sevéra Demais

Uma senhora das antigas criava sua filhinha com a mão de ferro, educação rígida, virgindade total. Casamento realizado, bom partido, parte o casal para a lua de mel. A velha, como sempre, acompanha o casal. No “resort” ela aluga um apartamento ao lado ao dos “pombinhos”. De noite, ouvido colado na fechadura, a velha se desespera com o diálogo:
 - Deixa amorzinho, deixa!
 - Deixo não, deixo não.
 E assim foi a noite toda. Dia seguinte no café da manhã, a mãe chama a filha reservadamente.
 - Filhinha, eu fui muito severa com sua educação, mas agora e diferente, você é casada, ele é seu marido, agora você pode deixar.
 - Não é isso mãe! Ele estava pedindo era pra fazer xixi!

Nenhum comentário: