segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Um homem realmente bom

Um cara está na porta do céu esperando para ser admitido, enquanto São Pedro folheia o livro sagrado checando toda a vida dele, para ver se é um homem de valor. Depois de um bom tempo, São Pedro diz:
  - Não vejo nada aqui que seja ruim em sua vida, mas também não há nada aqui que seja bom. Se você me provar que fez algo realmente bom, você entra!
 O cara pensa por alguns instantes e diz:
 - É, certa vez eu estava indo pela estrada quando vi uma gangue de uns 30 motoqueiros mexendo com uma garota indefesa. Diminuí a velocidade para ter certeza do que estava acontecendo. Vi eles tentando tirar a roupa dela. Então parei meu carro e peguei uma chave de roda e fui na direção do líder deles, um cara fortão com uma jaqueta de couro com uma estampa de caveira nas costas. Ele tinha uma corrente amarrada da orelha direita até o nariz. Enquanto me aproximava dele, os outros foram fazendo uma roda envolta de mim. Arranquei a correntinha da cara dele e dei-lhe uma ‘chavada’ no queixo. O cara foi pro chão na hora. Aí virei para eles e disse:
 - Deixem esta garota em paz! Vocês não passam de um bando de bostas! Voltem para suas casas antes que eu perca a paciência e acabe com suas raças, seus animais!
 São Pedro, muito impressionado com isso perguntou:
 - Fez bem meu filho… E quando isso aconteceu?
 - Ah, faz uns três ou quatro minutos atrás…

Nenhum comentário: