quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Bambi


As piadas temáticas desta semana são dedicadas aos meu amigos bambis. E não fiquem desesperadas. A idéia partiu depois que eu presenciei um belo de um arranca-rabo na padaria. Elas estavam muito alteradas!
Uma bichinha estava devendo dinheiro pra outra, mas não tinha como pagar. Um belo dia, as duas
caminham na mesma rua, quando a que estava devendo procura um lugar pra se esconder, pois
não queria ser vista. Entra então numa funerária e se esconde dentro de um caixão de defunto.
Mas a outra bichinha viu toda a manobra de fuga e veio dar um flagrante. Abriu a tampa do caixão
e falou:
- Está se escondendo? Sua bicha desgraçada!
E a outra:
- Não, é que estou MORTA de vergonha!
Uma bicha entrou num “sexy-shop”. Toda discreta, chama um vendedor e pergunta pelos “pênis de borracha”.
O vendedor leva numa sala reservada e mostra varios “pênis” de tamanho e cores diversas.
A bicha olha e diz baixinho:
-Eu quero aquele vermelhão lá daquele canto (apontando).
-Ei, bicha, aquilo é o extintor de incêndio. !!!

A bichinha, recém convertida, tá indo pra a Igreja, pinta de macho, nariz todo empinado, com a Bíblia debaixo do braço… Nisso, passa um caminhão cheio de peão. Os machões não se contém e gritam com o coitado:
- Viaaaaado!!!
- Gaaaaayyy!!!
- Queima Roooooosca!!!
- Coxa branca, boiola!!!!
De repente, o caminhão perde a direção, bate num poste e explode. Morre todo mundo!!!
A bicha para, olha pro caminhão pegando fogo, solta a Bíblia no chão, coloca as mãos na cintura, dá uma quebradinha fazendo pose e diz:
- Jesus… Você a-rra-sooooooooooou!!!
Duas bichas estão numa festa. Um garçon passa com um bandejão de iguarias oferecendo aos convidados.
Quando passa pelas bichas, uma diz para a outra:
-Sabe Pat,eu queria que esse bandejão fosse cheia de rôlas duras..
E a outra:
- Pois eu, não…eu queria que fosse cheia de rôlas moles..
- Ai..como tu é besta… para que serve um bandejão de rôlas moles ?
- É que quando estivessem duras, dava duas bandejas.

Primeiro dia de serviço da bicha, (acessorista) no elevador, nisso entra um sujeito c/ um charuto aceso, e a bicha diz toda delicada:
- Escute moço, não é permitido fumar no elevador, eu não posso subir dessa forma.
O sujeito responde:
- Escute aqui, não é a primeira vez que eu fumo aqui, e não vai essa “bichinha” que vai me proibir.
- Sinto muito, não posso subir dessa forma, com o charuto acesso.
- Escute aqui imbecil, se você não subir agora, sabe onde vou enfiar esse charuto?
E a bicha responde:
- Não adianta me agradar, regulamento é regulamento.
Uma bichinha comprou um fusquinha. Ficou toda serelepe, mandou pintar o fusca de rosa e trocar a buzina. Ao invés de fazer Biiiip Biiiip a buzina agora fazia wuuuwuuuu.
Logo ela foi chamar a Karlinha (outra bichinha) para passear de fusca. A cada bofe que passava elas buzinavam: wuuuuuwuuuuuu!
Um caminhoneiro, daqueles bem parrudos, veio em alta velocidade e bateu na traseira do fusquinha rosa, provocando um grande estrago. As bichinhas sairam loucas:
- Ah não! Meus deuses! Meu fusquinha novinho… - e virando-se para o caminhoneiro - Escuta aqui, bruto, você vai ter que pagar o estrago.
- Que pagar nada! Fica na sua! - respondeu áspero o caminhoneiro.
- Ai, vai pagar sim senhorrrrrr. Você bateu por trás e está erradérrimo. Vai ter que pagar.
A Karlinha ajudava:
- Isso mesmo. Eu sou testemunha. Vai pagar, seu grosso!
O caminhoneiro era irredutível:
- Não vou pagar e pronto! Sai da frente!
A bichinha motorista não se conteve e mandou que Karlinha chamasse a policia. Karlinha foi. Enquanto a outra ia chamar a policia, a motorista insistia:
- Quero ver se você não vai pagar. Você vai pa-gar sim se-nhor!
O caminhoneiro engrossou:
- Vou pagar o CACETE!
A bichinha voltou-se para Karlinha, já longe, e gritou:
- Karlinhaaaaaa. Volta, volta que ele quer negociar…!

Nenhum comentário: